Ilustração: Nerino de Campos
Texto: Nerino de Campos
Subsecretário: Nerino de Campos

quinta-feira, 14 de abril de 2011


Limites (RE)

Sem muita convicção, parei diante do Motel e fitei os olhos de Leila, buscando cumplicidade, no entanto, só consegui um contorcionismo facial que me fez seguir em frente. Aquela situação estava se tornando insustentável e eu, não querendo ultrapassar os limites estabelecidos, há anos, pelo nosso pai, esperava pacientemente por uma volta à infância, onde, apesar da culpa que carregávamos, vivíamos momentos de intensa felicidade.

2 comentários:

  1. Opa, incesto ou convenção? Se Leila é adotada, qual é o drama? Vê? A pulga que me colocaste na orelha?

    ResponderExcluir