Ilustração: Nerino de Campos
Texto: Nerino de Campos
Subsecretário: Nerino de Campos

terça-feira, 30 de março de 2010

5 comentários:

  1. Olá Nerino.

    Gostei dos teus textos e gostaria de indicar o teu blog lá no meu.
    Tens um banner?

    Também sou fã de jazz.

    Abraço

    ResponderExcluir
  2. O jazz é poesia, sim!
    Quando se gosta nem se sabe dizer porquê, mas um qualquer sopro de serenidade embala-nos e sossega-nos para além das melodias.

    L.B.

    ResponderExcluir
  3. adorei o tgun tgun tgun...rsrs

    that's all jazz poetry !

    ( e por falar :http://joebrazuca.blogspot.com/2009/05/from-miles-to-miles.html)

    (ah !...seu desenhos SÃO !)

    ResponderExcluir
  4. Nina simone, Dizzy Gillespie e keith Jarrett. adoro jazz...

    ResponderExcluir
  5. O Jazz de Coltrane a Gillespie, de Parker a Miles Davis, agradece-te. Belíssimo, um rufar de bateria inesquecível, no estilo Art Blakey ou Gene Krupa. A minha vénia!

    ResponderExcluir